• Jornada de Coaching

A força do Mental


Há algumas semanas atrás eu conversava com um amigo que daria no dia seguinte um treinamento importante em uma empresa. Nós falávamos sobre o estresse que pode nos invadir neste período que precede um evento importante.

E eu me lembrei do que disse uma vez o tenista Djokovic. Quando dois tenistas chegam ao mais alto nível de seu treinamento, eles se tornam similares em relação às habilidades técnicas. A diferença que trará a vitória a um deles está no controle mental: aquele que é capaz de apagar de sua mente o momento que acaba de passar (que que pode ter sido um ponto perdido, por exemplo) e sempre joga como se fosse um novo começo, é aquele que vai vencer.

O atleta não pensa nem nos pontos perdidos anteriormente nem na possibilidade de errar no futuro. Ele se concentra apenas em fazer o melhor que ele pode, agora.

Assim, ele evita ao menos um dos gatilhos do stress – o medo de cometer um erro, de fracassar. E é verdade que o fato de ter fracassado uma, duas ou três vezes não quer dizer necessariamente que existirá um novo fracasso. O que conta, é o Agora, é o novo começo.

Stela Klein

#coachingdevida #coachingexecutivo

0 visualização
© 2015
Desenvolvido por Suellen Quintino
Todas as imagens são oriundas de banco de imagens